sábado, 19 de maio de 2012

Os frutos dos nossos sonhos...



:: Rubia A. Dantés ::

Assim como uma semente que plantamos e que requer cuidados e o tempo certo para crescer e dar frutos, algumas coisas nas nossas vidas também são assim.... e muitas vezes as descartamos por acreditar que não são boas... ou reclamar porque não deram certo... pois não tivemos a paciência de esperar o tempo que elas precisam para amadurecer e dar frutos...
Nosso ritmo apressado, baseado na premissa de que tempo é dinheiro, às vezes nos afasta de coisas preciosas, que para se revelarem precisam de cuidados e que respeitemos o tempo do Universo...

Assim como uma semente precisa de cuidados e tem um ritmo próprio de crescimento, alguns projetos nas nossas vidas também precisam ser olhados assim... imaginem se plantamos a semente de uma árvore frutífera dos nossos sonhos e cuidamos dela por pouco tempo... pelo tempo que imaginamos ser o necessário para ela crescer... sem saber que ela tem seu próprio ritmo para crescer e dar frutos... um tempo natural que flui com o tempo do Universo... Um belo dia, dentro do nosso cronograma, percebemos que aquele pequeno arbusto é o fruto de uma semente que não certo... e a deixamos de lado... a descartamos acreditando que ela não vai dar os esperados frutos.

Assim, fazemos com muito planos e muitos sonhos... descartamos literalmente por não perceber que para tudo tem um tempo e um ritmo natural... e que na época certa eles podem manifestar, sem esforço, todos os belos frutos dos nosso sonhos...
Mas esse mundo meio louco em que estamos nos ensina a querer ter pressa em tudo... com esforço até conseguimos colher os frutos, apressando o ritmo e atropelando o tempo... mas... com certeza, esses frutos amadurecidos à força não têm o mesmo sabor dos frutos colhidos no momento certo respeitando a natureza em seu ritmo perfeito...

Quando a coisa passa pelo terreno dos nosso Dons... do nosso propósito Divino, o tempo da razão nem seus planos mirabolantes de sucesso a ser alcançado em tempo recorde, não costuma funcionar muito... Aqui o tempo é outro e o ritmo é natural... não tem como medir esse tempo pelo relógio... tudo pode acontecer em um piscar de olhos, ou demorar um tempo que para nosso modelo possa parecer longo demais...

Mas se olharmos para nossos projetos como uma semente de uma árvore muito preciosa, que para dar frutos precisa de cuidados e da nossa paciência para esperar ela crescer e se desenvolver em seu ritmo único e natural... vamos olhar com mais paciência e carinho, sem descartá-los sumariamente só porque não cumpriram o cronogramas que fizemos para eles...
Com certeza, existe um tempo onde os frutos são mais doces e alimentam nossa alma e não nosso ego...

Estava nesse ponto do texto, quando o interfone tocou e uma voz feminina do outro lado falou uma coisa em dinamarquês que, claro, não entendi... apertei o botão e fiquei olhando pelo olho mágico para ver quem era... e vejo uma mulher parada com um grande embrulho nas mãos... abri correndo a porta já imaginando o que poderia ser... e encantada confirmo que era mesmo o quadro que eu mesma havia postado no Brasil para meu genro...

Muitas coisas aconteceram até esse quadro, que ele ganhou de presente no início do ano, no Brasil, chegasse até aqui.... muitas coisas que me fizeram acreditar que tudo estava dando errado, tão errado que eu cheguei em maio, primeiro que o quadro. Ele fez um longo e aparentemente tortuoso caminho... Coloquei o quadro no correio no dia 15 de março e deveria chegar em aproximadamente 15 dias... mas alguns dias depois, recebo o telefonema dos correios me falando que o quadro havia retornado porque precisaria de uma autorização, o Iphan. Entre tirar a foto do quadro nos correios, mandar a documentação para o Iphan e esperar a autorização mais um longo tempo... Quando finalmente levei os papéis ao correio, sabia que eu ia chegar primeiro que o quadro, mas como ele não cabia na minha mala...

Enfim, parecia que tudo tinha dado errado... até aquele momento em que abri a porta e percebi com alegria que o quadro fizera um tortuoso caminho para chegar justamente no dia do aniversário do meu genro... e ele ficou tão feliz como se tivesse ganhado o mesmo presente duas vezes. Receber o quadro no dia do seu aniversário foi mesmo muito especial para ele e tornou esse dia mais feliz.

Parece que o Universo estava mesmo querendo confirmar que... as demoras e os aparentes enganos às vezes, podem ser somente uma forma dos frutos se tornarem maduros e nos revelarem um novo e mais precioso sabor... Um sabor que só um fruto maduro no ponto, nem mais nem menos, pode nos dar. Nos é que às vezes... por não estarmos no fluxo do tempo natural... no tempo da Alma... descartamos as coisas, por achar que estão demorando demais ou que tudo está rápido demais...

Por isso agora, quando as coisas não estiverem dando certo, dentro do que eu espero e do tempo da razão, vou esperar um pouco mais antes de descartá-las... e de colocá-las entre as coisas que "não deram certo"... pode ser que elas só não deram certo para os meus conceitos e... em um plano muito mais amplo, elas podem estar só se tornando maduras.

Essa sincronicidade do quadro serviu para que eu olhasse com outros olhos para meus projetos que não estão ainda terminados e que me parecem estar demorando muito ou não estarem dando certo...

Me deu uma confiança maior que tudo tem o seu tempo e... só quando estamos em conexão com o Grande Mistério, estaremos fluindo com esse tempo... e, então, poderemos colher os frutos maduros dos nosso sonhos.

Um comentário:

  1. Escolhas, preços, tempo. Três coisas que andam juntas sempre.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...