quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Tattwas, algumas definições.


Os Tattwas são uma corrente vital de éter ou de força — os Pranas Hindus — que brotam do sol como um rio contínuo. Este rio é quíntuplo, e flui ao redor de toda a Terra, vitalizando sua substancia astral ou esfera de sensação. Ou seja, os Tattwas são as correntes ou sub-planos da Luz Astral.
Acredita-se que cada Tattwa ou corrente de força existe potentemente durante determinado período de tempo, e que ao final do mesmo desemboca-se no Tattwa seguinte, segundo a ordem dada anteriormente. Quando a corrente de Prithivi se esgota o ciclo volta à Akasa e continua na mesma ordem durante os primeiros períodos de tempo.
Visto que em nosso plano os elementos não podem existir em estado puro, sem se misturar, sem que dentro dele mesmo, senão que dentro de si mesmos contenham os constituintes dos demais (ou de outra maneira, possuem diversos graus ou planos de sua própria substancia), cada Tattwa se subdivide em cinco correntes ou planos. Akasa de Akasa, Espírito de Espírito, seria a forma mais pura ou tênue do elemento em questão, a natureza integral do espírito — sua essência mais elevada. Vayu de Akasa se referiria a sua qualidade aérea; Tejas de Akasa, seu aspecto fogoso e dinâmico; Apas de Akasa, é a sua fase fluídica e aquática, ainda que Prithivi de Akasa, seria sua fase mais terrestre, o aspecto de seu poder que mais estreitamente entre os demais está em contato com a terra. A mesma divisão quíntupla, na mesma ordem, se aplica igualmente aos demais elementos.

Os tattwas são meramente "sigilos" que contém forma e cor de um dos cinco elementos básicos citaods por Bardon,e presentes em todos os aspectos universais. Cada um destes elementos também representa um aspecto físico e mental e pode se unir a outro. Afinal os elementos não são puros durante todo o tempo,tendo-se ar+ fogo,fogo+agua, enfim... muitas combinações que serão explicadas mais para a frente em um tópico sobre magia elemental.

Começaremos com um exercício simples,mas ao mesmo tempo que exige uma certa concentração e dedicação. É a projeção astral para planos elementais.

Antes definiremos melhor o que são as inscrições em baixo dos símbolos dos tattwas na imagem. Não entrarei em detalhes pois não serão necessários agora.



Prithivi (TERRA):Um quadrado amarelo
Nome divino:Adonai ha-Aretz
Arcanjo:Uriel
Anjo: Phorlakh


Vayu(AR):Um círculo azul
Nome divino:Shaddai El Chai
Arcanjo:Rafael
Anjo:Chassan


Akasha (ESPIRITO) :Um ovo negro/violeta
Não possui anjos e arcanjos,apenas nomes divinos:
Eheieh;Aglah;Yeheshuah;Eth


Tejas (FOGO):Triangulo vermelho
Nome divino:Yhvh Tzabaoth (pronuncia yov heh)
Arcanjo:Michael
Anjo:Aral


Apas (AGUA)Lua crescente prateada
Nome divino:Elohim Tzabaoth
Arcanjo:Gabriel
Anjo:Taliahad


Abaixo está mostrado as figuras e os nomes de poder relacionados a cada elemento. Percebam que Akasha não possui Anjos,apenas nomes de poder ligado a ele. Aprender os nomes de poder e dos Anjos do Tattwa que irá se trabalhar é um passo importante antes de começar.

Após saber os nomes,o próximo passo é conseguir uma representação física do Tattwa. Isso é extremamente fácil.

Comece desenhando a figura do elemento em papel e pinte-a da cor respectiva ao elemento. Escreva atrás do desenho os nomes de poder relacionados ao elemento escolhido.
Após a preparação,faça um relaxamento e tenha certeza de estar bem calmo.Com uma folha em branco na mão,pegue na outra o Tattwa e olhe para ele,sem forçar os olhos. Performe esse "skrying" por mais ou menos 1 minuto e então olhe rapidamente para a superficie da folha em branco. (Utilizar luz negra ajuda no choque de cores. Não se prendam a isso,a intenção aqui é visualizar o tattwa na cor oposta a sua em sua retina,com os olhos bem fechados. Por exemplo o tattwa azul da água ficará roxo [eu acho,as vezes sou meio daltônica]).

O próximo passo é imaginar que a imagem a sua frente está aumentando de tamanho, até o tamanho aproximado de uma porta. (Requer bastante concentração e trabalho de visualização). Ao ver isso,sinta seu "corpo astral" ir em direção a porta e atravessa-la.
Não se preocupe com o quanto pode parecer irreal, apenas se mantenha focado e projete-se pelo portal e siga em frente,mas saiba de sua localização. Esta será sua porta de saída para a consciência novamente,então não se afaste muito dela.

Agora,dentro do plano elemental,vibre 3 vezes cada nome divino,do Anjo e do Arcanjo do tattwa utilizado,lembrando q sua voz deve vibrar no astral.
Você estará no plano astral. Se sentir que tem companhia,não sinta medo,vibre o nome divino de seu tattwa e apenas criaturas bem intencionadas poderão se aproximar.
Com um pouco de sorte,ao vibrar o nome divino do elemento,um elemental guia poderá vir até vc e te levar para um interessante "tour" pelo plano.

Nunca se afaste muito do local por onde entrou sem um guia. Sair do plano sem voltar por onde veio pode te deixar desorientado e trazer consequências ruins,como dores pelo corpo,dores de cabeça e talvez até algumas entidades indesejáveis aproximando-se de você. (Nem no plano elemental tudo são flores.)

É recomendável q você não pratique esta técnica mais de 1 vez por semana com o mesmo elemento. Pode acarretar em desequilíbrio dos elementos do seu corpo e no seu temperamento.


Algumas considerações:

Este não é um ritual genérico. É apenas o uso dos Tattwas. Essa perscrutação de símbolos deve ser incorporada ao ritual apropriado,de preferência envolvendo o elemento.

Aqui,os sigilos são utilizados como portas para alterar a frequência do magista,assim ele adentra o plano sem ser "chutado" para o físico de volta. O despertar repentino pode ser um tanto desagradável,saia sempre por onde entrou.

Seja amigável com as entidades,você está na frequência delas. Interação pode ser interessante a alguns níveis.

As visões parecerão incríveis. Talvez até para você mesmo,caso a projeção de fato ocorra. Aconselho a guardar e anotar seus relatos,mas tome cuidado ao expor para alguém. Ser taxado de maluco após projeções não é novidade.

Para encerrar, nunca visitem constantemente o mesmo plano. Equivale a uma invocação do elemento em questão. Apesar de bom em alguns aspectos,isso pode também te fazer
ficar com os defeitos daquele elemento,como citados por Bardon.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...