terça-feira, 22 de julho de 2014

INTRODUÇÃO: A Magia das Velas

A Magia das Velas
O brilho suave e delicado da luz de velas cria uma disposição romântica, invoca os espíritos e utiliza o antigo elemento Fogo, conhecido como o elemento sagrado da transformação mágica. A chama dançante de uma vela emana energia mística e, há séculos, é usada por Bruxas e magos como instrumento gerador da atmosfera propícia ao feitiço, vidência e meditação; ela é aquela que bane a escuridão e serve de meio de comunicação com os mortos. O simbolismo de criar luz na escuridão também está por trás do uso das velas em rituais de magia. A vela também é uma imagem de humanidade. A cera corresponde ao corpo físico; o pavio, à mente; e a chama, ao espírito ou alma. Há velas de diversos tamanhos, formas e cores que podem ser adquiridas em lojas especializadas e de artigos para presentes ou de produtos esotéricos; contudo, muitas Bruxas e magos preferem executar sua magia com velas feitas em casa por eles mesmos, em vez de armazenar as que são comercializadas, pois acredita-se que velas feitas à mão com pentagramas e/ou outros símbolos mágicos e sinetes inseridos na cera são mais magicamente poderosas do que as produzidas em série, visto que absorvem as energias mediúnicas da própria Bruxa ou mago. Quando se trata de magia, as cores das velas são muito importantes, pois cada cor emite uma vibração especial e atrai diferentes influências espirituais. A forma da vela também possui significado na magia de sua queima. As que têm forma de gato preto são queimadas em feitiços que aumentam a sorte e os poderes psíquicos. Queimam-se velas em forma de gato branco para realizar desejos e proteger mulheres grávidas. Velas em forma de lua (ou decoradas com símbolos lunares) são queimadas para acrescentar poder às invocações mágicas à lua e à Deusa. Velas com imagens humanas, masculinas ou femininas, são usadas para representar o homem ou a mulher a quem o poder de um feitiço se dirige. Velas com formas fálicas são poderosas quando usadas em ritos de fertilidade e magia sexual. Velas em forma de múmia, difíceis de se obter, são queimadas em feitiços para adquirir poder e sucesso, e para invocar antigas deidades egípcias. Velas em forma de diabo são usadas tanto nos feitiços de magia negra quanto de magia branca do Vodu. Velas esculpidas cm forma de caveira preta são queimadas para lançar ou reverter feitiços e em rituais de separação. Em forma de caveira branca, as velas são usadas para rituais de curas e em sessões espíritas. Velas de Sete-Cilindros, que consistem em sete bolas de cera empilhadas c unidas com um único pavio, são usadas para meditação diária ou para pedidos mágicos, sendo cada segmento da vela queimado por dia enquanto a pessoa se concentra no que deseja ver realizado. A leitura da vela, ou do fogo, é uma forma de vidência praticada por Bruxas, ciganas e videntes desde os tempos anteriores à popularização das velas na Europa durante a Idade Média. Para exercer a vidência através de uma vela, primeiro clareie a mente e então fixe os olhos na chama até entrar em estado de transe, quando, então, imagens, símbolos, pessoas ou palavras começam a aparecer como parte de uma comunicação mediúnica.

Fonte: A Magia das Velas de Gerina Dunwich - página 07.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...