terça-feira, 14 de outubro de 2014

Happy Durga Pooja.



Durga Puja, também chamado de Durgotsava, (‘Festival de Durga’) ou Sharadotsav é um festival anual hindu no Sul da Ásia que é celebrado em honra à Deusa Durga. Refere-se a todos os seis dias observados quanto Mahalaya, Shashthi, Maha Saptami, Maha Ashtami, Maha Navami e Vijayadashami. As datas das celebrações do Durga Puja estão de acordo com o tradicional Calendário Hindu e ocorrem na quinzena correspondente ao festival é chamado Devi Paksha. Devi Paksha é precedido pelo Mahalaya, o último dia da quinzena anterior Pitri Paksha, (‘Fortnight of the Forefathers’), e termina em Puja Lokkhi Kojagori ('adoração da deusa Lakshmi em Kojagori noite de lua cheia").

O festival Durga Puja marca a vitória da Deusa Durga sobre o maligno búfalo-demônio Mahishasura. Assim, simboliza a vitória do bem sobre o mal.

Durga Puja é amplamente comemorado nos estados indianos de Assam, Bihar, Jharkhand, Odisha, Tripura e West Bengal, onde os cinco dias são feriados.


A adoração à Deusa existe há pelo menos 4000 anos na Índia, e se estende até um passado ainda mais remoto, remontando aos tempos védicos. Durga é a Deusa do universo, e Parvati, a esposa do Senhor Shiva, é uma forma de Durga. Ela tem 64 formas diferentes, com diferentes nomes para cada forma. Cada forma representa um passatempo, poder ou aspecto diferente da Deusa. Alguns dos nomes dessas formas de Durga são Ambika, Bhadra, Bhadrakali, Aryadurga, Vedagarbha, Kshemakshemakari, Naikabahu, Bhagavatai, Katyayani e outros, como Sati, que significa “castidade”. Em seus aspectos meigos, ela é adorada como Kanya, Kamakshi ou Mukamba. Uma (Parvati) é o nome de solteira da consorte do Senhor Shiva. Ela representa a matéria (prakriti). Shiva é o deus da destruição, que não tem sentido sem o que ser destruído, daí ser casado com Uma.

Durga é frequentemente retratada como uma bela mulher em vestes vermelhas. Ela pode ter quatro, oito, dez, dezoito ou vinte braços e três olhos. Os artigos em suas mãos podem incluir búzio, disco, tridente, arco, flecha, espada, adaga, escudo, rosário, cálice de vinho e sino, todos os quais representam suas potências. Ela também pode estar sobre um lótus ou montada em um leão. O leão representa o poder, mas também a tendência animalesca da ganância por comida e outros objetos sensuais. Ela estar sobre o leão representa que ela mantém todas essas tendências sob completo controle.

Durga também é conhecida como Vaishnavi-shakti, o poder criativo do Senhor Vishnu, a causa original. Também se chama Vindhyavasini (aquela que vive nas montanhas Vindhya), Raktadanta (aquela de dentes vermelhos), Shatakshi (aquela que é querida por ter cem olhos), Shakambhari (aquela que confere aos vegetais a força da vida), Durgaa (aquela que matou Durga, uma personalidade demoníaca), Bhima (a feroz) e Bhramaramba (aquela que é querida por ter uma forma de abelhas).



Fonte: Wikipedia
Fonte: http://voltaaosupremo.com/artigos/artigos/sagrado-feminino-uma-introducao-as-deusas-vedicas-e-seus-segredos/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...