sábado, 26 de setembro de 2015

PARTE I: A EVOLUÇÃO CÓSMICA


PARTE I: A EVOLUÇÃO CÓSMICA
SETE ESTÂNCIAS DO LIVRO SECRETO DE DZYAN

Não existia nada: nem o claro céu,
Nem ao alto a imensa abóbada celeste.
O que tudo encerrava, tudo abrigava,
E tudo encobria, que era? Era das águas
O abismo insondável? Não existia a morte,
Mas nada havia imortal. E separação
Também não existia entre a noite e o dia.
Só o uno respirava em Si mesmo e sem ar:
Não existia nada, senão ele. E ali
Reinavam as trevas, tudo se escondia
Na escuridão profunda: oceano sem luz.
O germe, que dormitava em seu casulo,
Desperta ao influxo do ardente calor E faz então brotar a
Natureza una.

Quem sabe o segredo? Quem o revelou?
De onde, de onde veio a criação multiforme?
Os Deuses só mais tarde à vida surgiram.
De onde esta criação imensa? Quem o sabe?
Por ação ou omissão de Sua Vontade?
O Sublime Vidente, no alto dos céus,
O segredo conhece... Talvez nem ele...
Profundando a eternidade... Inda mesmo antes
De lançados os alicerces do mundo,

Tu eras. E quando o fogo subterrâneo
Romper sua prisão, destruindo a estrutura,
Oh! ainda serás Tu como eras antes.
Também quando o tempo já não existir
Nenhuma transformação conhecerás,
Mente infinita, divina Eternidade!

RIG VEDA

Trecho extraído do Livro - A Doutrina Secreta, VOL I. Página 140.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...