terça-feira, 20 de outubro de 2015

O arco-íris do poder: Cristais & Cromoterapia.

O ARCO-ÍRIS DO PODER
Como mencionei no capítulo anterior, as cores das pedras são um indício claro para se descobrir seus usos mágicos. As cores constituem energias que afetam diretamente nossa mente. Como exemplo, várias prisões nos EUA têm pintado as paredes das áreas de reclusão num matiz rosa claro. Quando criminosos agressivos são colocados nessas celas, eles se tornam calmos. Por quê? Porque o rosa é uma cor reconfortante e agradável. Os prisioneiros, a menos que estejam sob efeitos de drogas que alterem o humor, simplesmente não conseguem permanecer violentos em tal ambiente. 
Da mesma forma, os centros cirúrgicos e salas de recuperação dos hospitais são azuis. Essa cor há muito tem sido usada em magia para promover a cura e, agora, a medicina ortodoxa finalmente compreendeu isso. 
Os velhos processos mágicos começam a ser explicados à medida que nos conscientizamos dos efeitos das cores. Se paredes cor-de-rosa podem acalmar pessoas zangadas, por que pedras dessa mesma cor não seriam úteis para atrair o amor? 
Mesmo nesse nível superficial, as cores exibidas pelas pedras possuem conseqüências incríveis. Quando usamos a cor para descobrir efeitos não tão físicos das pedras, estamos realmente penetrando no reino da magia. 
O propósito dessa seção é examinar as cores básicas das pedras bem como suas propriedades mágicas. Como as informações do Capítulo 3, estas podem constituir um guia para descobrir seus próprios usos de pedras bem como entender a informação apresentada na Parte II desse livro.
A essa altura, queremos acrescentar algumas informações sobre cura mágica. Ninguém pode curar o corpo alheio. Certamente, existem técnicas que facilitam, mas a cura deve provir do interior do indivíduo. A maioria dos curadores diz que tudo que pode fazer é apressar o processo, talvez removendo obstáculos existentes no fluxo energético do corpo do doente.
As pedras têm sido usadas na cura mágica há séculos e algumas devem ter sido eficazes. Ao apresentar esse conhecimento tradicional na Parte II deste livro, não estou-lhe dizendo para agarrar um heliotrópio quando cortar o dedo ou uma esmeralda se tiver problemas com a visão. Estou simplesmente sugerindo que tais meios podem ser usados junto com o tratamento médico ortodoxo. Assim, pegue um curativo e um creme bactericida (ou uma folha de banana-da-terra) e cure a ferida; depois, use um heliotrópio para apressar sua recuperação.
A magia não é uma bofetada na cara da tecnologia. Pode e deve ser usada sempre que possível. Ao ler sobre "cura" neste livro, tenha isso em mente para não ter dúvidas quanto a esse aspecto da magia. Claro que as pedras são poderosas, mas precisamos conhecê-las, nos sintonizar com elas e estar em contato com nosso corpo para que a magia seja eficaz. De qualquer maneira, cor é poder e as pedras coloridas são duplamente poderosas. Eis algumas dessas energias.

Vermelho 
Vermelho é a cor do sangue, do nascimento e da morte. Em muitas culturas tem sido "sagrado" ou dedicado às divindades. As pedras vermelhas são emissoras, ativas, e relacionam-se com o planeta Marte e o elemento Fogo, ambos energias agressivas. São pedras protetoras e atuam para reforçar o corpo e a força de vontade, são empregadas para fomentar a coragem, fornecer energia física e adicionar poder aos rituais com sua presença no altar. Antigamente, as pedras vermelhas eram antídotos para envenenamentos, serviam para conservar os pensamentos "puros" e, com sua capacidade de extrair as causas, banir a raiva e as emoções violentas. Também eram usadas para evitar o fogo e como proteção contra os raios. Na cura, as pedras vermelhas estão intimamente ligadas ao sangue. Muitas vezes são usadas para combater a anemia, estancar hemorragias e cicatrizar feridas. Também parecem funcionar em erupções e inflamações. Talvez por sua ligação com o sangue, já tenham sido carregadas para evitar o aborto. As pedras vermelhas podem ser energizadas, quando postas, geralmente, perto ou sobre os genitais durante a visualização, para vencer disfunções sexuais.

Cor-de-rosa 
As pedras cor-de-rosa são receptoras e cheias de vibrações afetivas. Calmantes, reconfortantes e usadas para relaxar e retirar a tensão tanto do corpo quanto da mente. Vistas às vezes como regidas por Vênus (embora o verde seja uma cor mais venusiana), as pedras rosa são usadas para atrair o amor ou reforçar um amor já existente. Podem funcionar para aplacar problemas em relacionamentos longos. Também são usadas para estimular o amor-próprio. Não se trata de narcisismo, mas do reconhecimento de defeitos, sua aceitação e liberação, prosseguindo com a vida. Eu (e muitos outros antes de mim) já disse que não podemos esperar ser amados pelos outros se não amarmos a nós mesmos. As pedras rosadas têm uma energia que é utilizada para se alcançar esse objetivo. Elas promovem paz, felicidade, alegria e riso. Estimulam as emoções leves, ajudam a fazer amigos e encorajam a abertura para com os outros. São ideais para serem usadas em rituais de grupos.

Laranja 
As pedras laranja possuem um pouco do fogo do vermelho, mas são mais delicadas em seus efeitos. Receptoras, muitas vezes são vistas como símbolos do Sol. Ideais para o uso em rituais protetores e os efetuados para desenvolver a Iluminação. Essas pedras se relacionam com o poder pessoal. Com seu uso aumenta-se a capacidade de servir-se do poder, bem como de direcionar essa energia durante rituais mágicos. São excelentes para serem usadas por indivíduos com pouca auto-estima, pois expandem a consciência do próprio valor. As pedras laranja também atraem a sorte e, como símbolo de sucesso, são usadas durante encantamentos para assegurar um final feliz.

Amarelo 
As pedras e minerais amarelos são emissoras regidas por Mercúrio e usadas em rituais que envolvam comunicação. Se você tem problemas em se expressar de maneira inteligente, tente usar uma pedra amarela. Os escritores recebem ajuda em seu trabalho e os oradores a usam para melhorar a eloquência. Regidas também pelo Sol, as pedras amarelas são protetoras, enquanto o elemento Ar, também um regente, nos diz que podem ser usadas para reforçar a mente consciente. São utilizadas durante a magia para realçar a capacidade de visualização. Os encantamentos que envolvam viagem podem ser feitos com pedras amarelas, talvez segurando uma na mão emissora e visualizando a si mesmo indo para seu lugar de destino. Quanto à saúde, são usadas para promover a digestão, regular o sistema nervoso e para problemas de pele. Essas são pedras de movimento, troca, energia e percepção mental.

Verde 
Como cor da natureza, da fertilidade, da vida, o verde freqüentemente tem sido relacionado com o vermelho na religião e na magia. Pedras dessa cor são receptoras e usadas em curas mágicas. Colocando-as ao redor de uma vela acesa, verde ou azul, visualiza-se a pessoa doente como alguém totalmente curado e cheio de vida. Também podem ser carregadas para proteger a saúde. As pedras verdes em especial são vistas como tonificantes dos olhos, controlam os rins, aliviam problemas estomacais e evitam dores de cabeça. Regidas por Vênus, quando usadas durante a jardinagem, ou enterradas, promovem um crescimento exuberante das plantas. Se você tem plantas em casa, tente colocar algumas pedras energizadas na terra com essa finalidade. Devido a esse uso, elas também eram consideradas promotoras da fertilidade e da concepção. Sua relação com o elemento Terra levou ao uso em encantamentos que envolvam dinheiro, riqueza, prosperidade e sorte. Harmonizam, equilibram e podem ser usadas para alinhar-se com a Terra.

Azul 
Azul, a cor do oceano, do sono e do crepúsculo. Regida pelo elemento Água e pelo planeta Netuno, essas são pedras receptoras e promovem a paz. Segurar uma pedra azul, ou direcioná-la a uma luz suave, acalma as emoções. Se você tem dificuldades para dormir, tente usar pedras azuis na cama. Também é excelente para evitar pesadelos. As pedras azuis são carregadas ou usadas para a cura em geral, mas especialmente para reduzir a febre, remover úlceras e suas causas, eliminar inflamações. Às vezes parecem reduzir ou retirar a dor do corpo. Se achar que necessita de uma purificação, use pedras azuis enquanto toma banho para limpar seu ser interior bem como o físico. Isso é feito com freqüência antes de rituais mágicos.

Violeta 
As pedras violeta ou cor-de-anil são receptoras e espirituais. Regidas por Júpiter e Netuno, há muito são ligadas ao misticismo e purificação. Excelentes quando usadas na meditação, no trabalho psíquico ou durante qualquer ritual com a finalidade de contatar a mente subconsciente. Como as pedras azuis e verdes, violeta é a cor da cura e da paz. Essas pedras são usadas para manter a saúde e às vezes são dadas de presente a crianças indisciplinadas para desenvolver a obediência. Fisicamente, as pedras violetas são usadas para aliviar problemas relativos à cabeça, como dores de cabeça, doenças mentais, concussões e problemas com cabelos. Usadas à noite, aliviam a depressão e produzem um sono restaurador. Relacionam-se com a religião organizada, mas também com sistemas mais orientados à Terra, sendo usadas para contatar as forças superiores.

Branco
Pedras brancas são receptoras e regidas pela Lua. Como tais, estão intimamente ligadas ao sono e à sensitividade. No passado, as pedras brancas, principalmente a calcedônia, eram usadas para desenvolver a lactação de mães com problemas para alimentar seus bebês. Nos Estados Unidos contemporâneo, são consideradas pedras da sorte, por isso são carregadas no bolso ou usadas para atrair a boa sorte. Porque a Lua brilha à noite, suas pedras são usadas para proteção à noite, quando se caminha sozinho em lugares perigosos. Pedras vermelhas e brancas podem ser carregadas ou usadas juntas para proteção o tempo todo. Para livrar-se de uma dor de cabeça, ponha uma pedra branca no bolso. Alguns dizem que as pedras brancas, por conterem todas as cores, podem ser energizadas magicamente para atuarem como substitutas de pedras de qualquer cor. Isso é feito por meio da visualização.

Preto 
As pedras pretas são receptoras e representam a Terra, a estabilidade, sendo regidas por Saturno, o planeta da limitação. Simbolizam o autocontrole, a resistência e o poder sereno. Às vezes são consideradas protetoras, mas as pedras pretas são mais freqüentemente usadas para "aterrar" uma pessoa. Se você é frívolo, confuso ou tão ligado ao espiritual que sua vida física acaba prejudicada, use pedras pretas. Misticamente, o preto é a cor do espaço interplanetário, da ausência da luz. Se deseja fazer um encantamento de invisibilidade mágica a fim de garantir que seus atos não sejam notados pelos outros, use uma pedra preta para isso. Faça, por exemplo, uma pequena imagem de si mesmo com argila preta e enfeite-a com pedras da mesma cor. Coloque-a numa caixa preta, ou numa feita de espelhos, e esta num lugar escuro. Isso simplesmente o esconderá daqueles que representam uma ameaça para sua vida.

Pedras multicoloridas
Pedras com várias cores, como o heliotrópio (verde e vermelho), a turmalina (várias combinações) e a opala (de todas as cores) são, obviamente, mais complexas em sua composição mágica do que aquelas de um só matiz. Com a maioria delas, simplesmente olhe para as cores separadamente e determine seus usos pela da combinação das energias de cada uma. As opalas são um caso especial, como todas as pedras que possuem um arco-íris ou variedade de cores. Verifique na Parte II deste livro as informações específicas.

Outras cores 
Quanto às pedras que contêm partículas de metal, como a lápis-lazúli (que tem pirita de ferro), veja na Parte III as informações sobre os vários metais. Diferentes tons ou combinações das cores básicas acima (como verde-limão e turquesa), também precisam da união de dados relativos a cada cor.

Texto extraído do Livro: Enciclopédia de Cristais - Scott Cunningham - capitulo 4.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...